Campinas   (19) 3029-9657 Whatsapp São Paulo   (11) 5575-2192 Whatsapp

Receba Informações sobre a Halitose
e os Caminhos para Solucioná-la

OK
 

Cuidados evitam mau hálito na 3ª idade

Cuidados evitam mau hálito na 3ª idade

Idade avançada não precisa ser sinônimo de mau hálito. Embora quanto mais velha mais propensa esteja a pessoa a exalar esse indesejável mau cheiro pela boca, profissionais capacitados em halitose afirmam que, além de tratamento, alguns cuidados simples podem evitar o problema.

Na terceira idade, a medicação exigida em tratamentos de doenças comuns nesta fase da vida causa mau hálito. Diuréticos, calmantes, antidepressivos, hipotensores, medicamentos contra diabetes, antialérgicos, laxantes, anti-ácidos, soníferos, descongestionantes e remédios para tratar o Mal de Parkinson favorecem o aparecimento do problema por ressecarem a boca, efeito conhecido como xerostomia.

"Em casos de hipertensão, por exemplo, nossa primeira providência no tratamento da halitose é tentar a substituição de determinado remédio junto ao médico do paciente", informa o dentista Eduardo Pedrazza Dutra, da clínica Halitus, de São José. Além disso, ele informa que o tratamento inclui estimulantes para aumentar o fluxo de saliva. "Trabalhamos com estimulantes gustatórios, receitando alimentos cítricos ou que contenham sal; estimulantes mecânicos que exijam mastigação e, por fim, estimulamos a salivação por medicamento.

PREVENÇÃO - Em todas as faixas etárias, uma das medidas consideradas essenciais para evitar o mau hálito é a correta higienização bucal. "Aqui na clínica nós encontramos até dentadura com tártaro", diz Dutra. "Ele ressalta, porém, que muitos pacientes não têm condições de fazer a higienização perfeita.

"Percebo que muitos idosos não escovam os dentes corretamente e não fazem a limpeza de próteses devido a problemas de coordenação motora", completa. Pesquisas apontam que causas bucais respondem por 90% dos casos de halitose.

Sedentarismo é uma das causas
Quem já passou de meio século de vida deve ficar bem atento a seus hábitos para não incomodar as pessoas quando abrir a boca.

Até o sedentarismo comum em idades avançadas propicia o odor.“O sedentário geralmente apresenta mau funcionamento do intestino e problemas intestinais são um dos causadores do mau hálito”, afirma Marignês Theotônio dos Santos Dutra, da própria Halitus, clínica especializada em prevenção, controle e tratamento da halitose.O sedentarismo típico de pessoas aposentadas, que já não têm mais tanta coisa para fazer fora de casa como antes também traz outras complicações.

Enclausurado no próprio lar, os períodos em que esses idosos se expõem ao sol diminuem muito. O resultado disso é uma provável deficiência de vitamina D, outro fator que resulta em mau cheiro na boca.

Segundo Marignês, há aproximadamente 60 causas de halitose, que não é considerada uma doença, mas sim, um sintoma. Como muita gente que tem mau hálito não sabe que é portador do mau cheiro na boca, a clínica Halitus possui endereço eletrônico em que amigos e parentes dessas vítimas podem informar do problema aos dentistas.

A própria clínica se encarrega de informar, educadamente, às vítimas e de convencê-las a iniciar um tratamento. Os amigos e parentes “denunciantes” não precisam se identificar.

Prevenção na 3ª. Idade
1. Limpe as próteses e não negligencie com a higiene bucal. Faça uso de técnica correta de escovação de língua e dentes.
2. Adote dieta alimentar balanceada e consuma alimentos ricos em fibras.
3. Evite jejuns prolongados. Intervalos entre refeições não devem superar 3 horas.
4. Exercite-se regularmente.
5. Se exponha ao sol constantemente para adquirir vitamina D.
6. Tome muito líquido.
7. Evite enxaguatórios (líquidos para gargarejo). A maioria deles contém álcool.
8. Visite o dentista pelo menos quatro vezes por ano. 


Voltar

Conheça nossos clientes e saiba o que eles pensam sobre a Clínica Halitus

Veja todos os depoimentos

Nossos endereços

São Paulo

São Paulo

Endereço

Rua Apeninos, 930 - Conjunto 42 - Metrô Paraíso


Como chegar

Desça na estação Paraíso do Metrô, pegue a saída da Rua Dr. Eduardo Amaro, vire a direita. Na próxima esquina vire à direita de novo; o prédio da Clínica fica no meio da quadra.

Resp. Téc.: Luciana Sassa Marocchio
CRO SP: 79.084

Veja o mapa

Campinas

Campinas

Endereço

Rua Avelino Silveira Franco, 149 - Bloco 2 - Sala 366 - Condomínio de Escritórios L'Oficce - Ville Sainte Helene


Como chegar

Estrada Campinas - Sousas; Av. Dr. Antônio Carlos Couto de Barros/Rodovia José Bonifácio Coutinho Nogueira, em frente ao Clube Cultura e à SANASA.

Resp. Téc.: Maurício Duarte da Conceição
CRO SP: 34.205

Veja o mapa

Whatsapp
Fale com a Clínica Halitus


São Paulo
+55 11 94764-2935

Campinas
+55 19 97404-1126